segunda-feira, 14 de janeiro de 2008

Um diálogo

Um homem envelhecido pelo cansaço atravessa pela porta entreaberta.
_A carta chegou?
_Que carta?
_Que carta... Como assim que carta?! A carta!
_Ah, a carta... não, ainda não chegou.
_Pois bem, se chegar me avise. Preciso descansar...
_Você não acha que está cedo para descansar, acabou de chegar do serviço...
_Cheguei do bar... e o que mais poderia fazer além de descansar?
_Não sei, talvez...
_Talvez?
_Não, nada... descanse bem.
_Se a carta chegar me avise.
_Acredito que o correio não passe a essa hora.
_...você entendeu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário