quinta-feira, 11 de novembro de 2010

O ato de ser

Ninguém é o que queria ser. É apenas o que quis ser.

Nenhum comentário:

Postar um comentário